HISTÓRICO DA INSTITUIÇÃO

Medição das espécies no sistema agroflorestal (1996) Foto: Renato Gavazzi
Medição das espécies no sistema agroflorestal (1996)
Foto: Renato Gavazzi

A Associação do Movimento dos Agentes Agroflorestais Indígenas do Estado do Acre – AMAAIAC foi fundada em 2002 e tem como missão principal preservar, conservar e proteger as florestas do Estado do Acre por meio de uma ação constante de monitoramento e gestão territorial e ambiental das TIs. Sua atividade especifica está relacionada ao manejo e enriquecimento dos sistemas agroflorestais existentes, à criação de quelônios, melíponas, piscicultura e animais domésticos, à revitalização e conservação de sementes pré-colombianas, à regionalização da merenda escolar, análise do problema do lixo nas comunidades, além da reflexão sobre estratégias para contornar o fenômeno da apropriação indevida dos recursos naturais dentro das TIs.

Sua estrutura organizacional é constituída pelos seguintes órgãos: Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária; Conselho Diretor; Conselho Fiscal; e Representação Local. O Conselho diretor é formado por 06 membros, sendo um coordenador, um secretário, tesoureiro e seus respectivos suplentes, todos eleitos pela Assembleia Geral Ordinária para um mandato de 02 anos, passível de reeleição.

Como todos os membros da diretoria (exceto a tesoureira), os membros vivem em suas respectivas TIs. O Conselho Diretor da entidade se reúne pelo menos uma vez por ano a fim de avaliar ações desenvolvidas no período e planejar sua continuidade. Os sócios da AMAAIAC são Agentes Agroflorestais em formação profissional de nível técnico, com currículo reconhecido pelo Conselho Estadual de Educação.

Dados atualizados (jan. de 2012) indicam que há no Acre mais de 120 AAFIs, de 13 povos, atuando em 23 TIs de 11 municípios. É importante notar que quase todas essas terras, cada AAFI têm um “suplente”, que o substitui em suas atividades na aldeia por ocasião das viagens e cursos de formação. A AMAAIAC executou projetos com apoio do PDPI, PDA e PROACRE.